28.9.11

R.I.P. Redson Pozzi(Cólera)





Uma música, um côro, um refrão, um acorde, o Cólera não foi simplismente uma banda punk de protesto, foi além, foi e é uma filosofia de vida para muitos, seja através das letras que sempre passaram uma mensagem de esperança, de luta e de não se render ao inimigo, seja pelo fato de instigar a mente de quem ouve as cantigas. E por trás disso tudo estava o incansável, humilde e humano, acima de tudo, Redson Pozzi, pessoa que mudou o rumo da vida de milhares de jovens sem rumo de tantas periferias espalhadas por esse Brasil, mudou através da música, usando o punk como uma ponte sem fim para expor sua revolta, sua ira contra o sistema, contra os políticos e a favor da massa, dos oprimidos, daqueles que passam fome e frio, que escondem as frustrações atrás de drogas baratas. Redson nos deixou, e deixou mais, a lição de que não se render a ninguém, lutar e acreditar nos sonhos, ter esperança de um mundo melhor é sempre possível. Obrigado por tudo Redson Pozzi, ou simplismente Redson, descanse em paz.


5 comentários: