25.4.10

No Sense






Formada em meados de 90 em Santos/SP com a finalidade de tocar grind core. Época difícil onde o estilo não era muito difundido nem aceito, mas mesmo diante das adversidades seguiram em frente, gravando a 1ª demo tape, “Confused Mind”, que teve uma excelente recepção, tanto pelo pioneirismo, pela qualidade, e também pela peculiaridade de contar com vocais femininos.

A demo tape abriu portas para inúmeros shows e chamou a atenção do selo Fucker do ABC Paulista, e em poucos meses depois gravaram o 7’EP “Out of Reality” que foi um marco na cena, já que na época gravar um disco era algo caro e ser contratado por um selo era o desejo da maioria das bandas. Além do quê, foi o primeiro registro Grind em vinil no Brasil, tendo uma excelente aceitação na Europa e Eua, esgotoando-se em pouco tempo, sendo muito procurado ainda hoje, sendo alçado ao nível de “raridade”. Em seguida, assinaram contrato com a Cogumelo Records e gravaram o LP “Cerebral Cacophony” e contando com a estrutura de divulgação da mesma, saíram para divulgá-lo, contando uma excelente aceitação, fácil de se perceber pela quantidade de pessoas que prestigiavam em seus shows.
Porém em 1993 resolveram dar uma pausa nas atividades da banda, nunca chegando a terminar, todos seguiram seus caminhos, tocando cada um em diversas bandas e projetos, alguns de grande proeminência do cenário, como Abomydogs, Heavenly Kingdom, Empire of Souls e Abuso Sonoro. Em 2008, finalmente retornaram às atividades, além de tocarem os velhos sons “grind core old school” hoje contam com um repertório novo, seguindo o mesmo padrão e as velhas influências, porém trazendo a experiência de anos de seus componentes e evolução dos mesmos. Deixo aqui o primeiro registro da banda, a demo "Confused Mind" e uma gravação de 2009 intitulada "Rehearsal", os vocais insanos de Marli continuam a aterrorizar mentes por onde passam!


Myspace: No Sense

Download:
No Sense - Confused Mind - Demo(1990)

No Sense - Rehearsal(2009)

2 comentários: